Como tirar um CNPJ

By | outubro 21, 2016

Essa é muito dúvida muito comum das pessoas que desejam trabalhar com o ramo revenda de roupas sendo assim hoje vamos te mostrar qual o passo a passo necessário para se tirar um CNPJ para que você possa comprar roupas com os melhores fornecedores e fabricantes.

.

1° Dica Importante

O blog fornecedor de roupa preparou uma lista grátis de fornecedores nacionais esses fornecedores são atualizados e possuem preços super competitivos, através desses contatos você poderá comprar roupas no atacado e ter ótimas margens de lucro.

Para ter acesso grátis e imediato a lista você só precisa CLICAR AQUI só iremos revelar esses contatos apenas para pessoas realmente interessadas em ganhar dinheiro revendendo roupas por isso não perca essa oportunidade.

.

CNPJ

A maioria dos empreendedores que estão começando agora sabem que para ter um negócio bem sucedido e uma empresa formalizada é necessário tirar um CNPJ ( cadastro nacional de pessoas jurídicas ) assim como o CPF o CNPJ é um número único que identifica a sua empresa.

Ter uma empresa regularizada irá te dá uma série de vantagens como poder emitir nota fiscal,comprar produtos com preços melhores,ter vantagens em bancos,ter direito a auxílios no INSS e muito mais.

A algum tempo atrás tirar um número de CNPJ era um processo muito burocrático porém hoje a legislação já conta com uma série de facilidades para quem está começando agora e precisa está regularizado para fazer o negócio crescer.

.

A Importância do CNJP

Exercer atividades sem registro mesmo que a sua empresa não conte com um espaço físico é ilegal e pode trazer problemas com a justiça além de prejudicar e muito o desenvolvimento do seu negócio, por isso tirar um CNPJ é indicado tanto para quem pretende abrir uma loja de roupas física como também para quem pretende trabalhar pela internet com o e-commerce.

Basicamente o CNPJ serva para identificar o seu negócio e permitir que a Receita Federal faça um acompanhamento adequado do pagamento de tributos e de obrigações em geral. A partir dele, você pode fazer as declarações devidas, enviar documentos fiscais importantes e garantir uma contabilidade adequada.

Veja também : Como abrir uma loja de roupas

.

Os primeiros passos para tirar o CNPJ

Se a previsão de faturamento do seu negócio for menor que R$ 60,000 por ano e você não faz parte de nenhuma outra empresa tirar um CNPJ pelo Micro empreendedor individual ( MEI ) é a melhor opção para você, se esse não for o seu caso alguns outros passos serão necessários antes de você obter o seu CNPJ .

Assim como as pessoas, que precisam de uma certidão de nascimento antes de ter um CPF, as empresas precisam de um NIRE (Número de Identificação do Registro da Empresa), um documento que depende de um Contrato Social, Ficha de Cadastro Nacional e Registro na Junta Comercial. Só com a elaboração e apresentação desses documentos e com o devido pagamento das taxas correspondentes é que o empreendedor poderá ter seu NIRE.

.

Procure ajuda de um profissional

É recomendado que antes de você tirar um CNPJ você entre em contato com algum profissional especializado em contabilidade ou também em direito de sua confiança, ele irá te passar informações importantes sobre o que é ter uma empresa regularizada e irá te orientar sobre o que são os tipos de empresa e também os tipos de impostos e taxas que cada empresa precisa recolher.

.

A obtenção do CNPJ – Micro empreendedor individual

Para ser um Micro empreendedor individual você paga uma taxa que não supera os R$ 50,00 e que inclui todos os impostos e deveres legais da empresam o MEI ainda pode contar com um empregado contratado que receba um salário mínimo ou piso da categoria.

Além da regularização ter um MEI traz os benefícios da previdência, permitindo que você se aposente e conte com o auxílio-doença e auxílio-maternidade quando for preciso.

Todo o processo poderá ser feito online através do Portal do Empreendedor. O site é bem explicativo. Entretanto, caso ache necessário, você também poderá pedir a ajuda de um contador. Outra opção para quem tem dúvidas é ir até o SEBRAE da sua cidade, que disponibiliza diversos consultores e materiais explicativos como cartilhas e artigos nos seus postos de atendimento.

Após finalizar o cadastro, é gerado imediatamente o CNPJ, a inscrição na Junta Comercial, no INSS e o Alvará Provisório de Funcionamento de sua empresa. Todos saem imediatamente em um único documento, o Certificado de Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI).

Não é preciso enviar nenhum documento à Junta Comercial ou ao posto da Receita. Com o CCMEI, o empreendedor já tem todas as informações e licenças necessárias para a regularidade da sua empresa.

Veja também : Como revender roupas 

.

O que fazer se a sua empresa faturar mais de R$ 60,000 por ano

Nesse caso, é possível alterar o regime da sua empresa sem que haja a alteração do número do CNPJ por isso volto a destacar mais uma vez a importância de se falar com um contato ou advogado especializado no assunto ele irá te passar todos os detalhes sobre como funciona esse processo e irá fazer você seguir os passos certos necessários para a mudança de um MEI para um outro tipo de empresa.

Veja também : Como vender no mercado livre 

Obter o CNPJ é uma tarefa indispensável para garantir segurança e total regularidade de sua empresa. por isso fique atento ao processo e aos documentos exigidos.

Muito obrigado por ter chegado até aqui um grande abraço !

.